Segunda, 20 de Setembro de 2021 10:48
(35) 988158840
Saúde CIRURGIAS ELETIVAS

PROJETO "CIRURGIAS ELETIVAS" TEM INÍCIO NA REGIÃO APÓS LIBERAÇÃO DE HOSPITAIS

Oitenta municípios aderiram ao projeto do Deputado Federal Emidinho Madeira, que propõe realizar as cirurgias em pessoas que aguardam há anos na fila. Atualmente, são mais de 45 mil pessoas na região

09/09/2021 10h19 Atualizada há 2 semanas
134
Por: Redação 4
As cirurgias já tiveram inicio no hospital em Paraguaçu e em breve na cidade de Poço Fundo/Foto: Arquivo Pessoal Amanda Miareli
As cirurgias já tiveram inicio no hospital em Paraguaçu e em breve na cidade de Poço Fundo/Foto: Arquivo Pessoal Amanda Miareli

 

Américo Passos

O número de pessoas que aguardavam na fila por uma cirurgia eletiva pelo Sistema único de Saúde (SUS) já era enorme e, em alguns casos, aguardavam há anos e, com a pandemia, este problema só piorou e o número de pessoas que aguardam cirurgia eletiva em Alfenas e região quase que triplicou.

Um projeto que vem sendo implantado na região pelo Deputado Federal Emidinho Madeira pretende agilizar as cirurgias por meio de mutirões nos hospitais que aderiram ao projeto para a realização destas cirurgias, que vão das mais simples como de catarata à cirurgia de quadril com implante de próteses, que tem uma fila de espera de mais de 5 anos.

A coordenação do projeto na região é de Amanda Vaz Tostes Campos Miareli, Graduada em Enfermagem, Mestre em Bioética e Especialista em Atenção Básica e Saúde da Família; atualmente assessora e consultora em saúde, vinculada à Câmara dos Deputados como assessora parlamentar. Atuou também como gestora em saúde na cidade de Campos Gerais e Alfenas, como presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) Regional de Alfenas e Docente universitária nas graduações de enfermagem e cursos nas áreas de saúde.

Amanda Miareli explica que o propósito do projeto é exclusivamente para atender aos pacientes que aguardam cirurgias eletivas pelo SUS desde 2014, cirurgias que não são consideradas de emergência, mas que devido a várias questões não puderam ser realizadas, mas que agora será feito um trabalho para que se possa zerar estas filas atendendo primeiramente as que atendam a requisitos de prioridade.

À medida que os hospitais forem liberados daremos andamento a realização dos procedimentos cirúrgicos em toda a região ressaltou Amanda Miareli/Foto: Gilson Leite

Segundo levantamento feito para a implantação do projeto de cirurgias eletivas, em setembro de 2020, havia uma fila de 18 mil pacientes aguardando as cirurgias e os dados de julho já mostram um salto devido à pandemia, que hoje chega a mais de 45 mil pacientes na região que aguardam uma cirurgia eletiva, ressalta Amanda Miareli.

Amanda Miareli enfatizou que para o projeto ser implantado em uma cidade há necessidade do interesse da secretaria de saúde do município porque tudo é feito por meio da secretaria de saúde e o paciente tem que estar cadastrado em uma lista no SUS Fácil, em que consta a especialidade do procedimento cirúrgico de que se necessita e a informação se o hospital que está fazendo parte do projeto realiza o procedimento cirúrgico.

Em Alfenas os dois hospitais, Alzira Velano e Santa Casa, estão participando do projeto e cada uma das instituições já enviou a lista de procedimentos que podem ser feitos nestes locais, relatou a coordenadora do projeto.

Amanda Miareli explica que parte dos recursos que seriam utilizados nas cirurgias em Alfenas já foram liberados, porém devido à pandemia esse montante foi utilizado no combate a Covid-19 e que agora, assim que forem liberadas as outras emendas que destinam recursos para as cirurgias, os procedimentos terão início

Em Alfenas, o projeto está na fase de distribuição que está sendo feito por meio das listas dos municípios da micro região que aderiram ao projeto, para que sejam feitas as cirurgias e, desta forma, sejam zeradas as filas nestas cidades, destacou Amanda Miareli.

Amanda Miareli explicou que, em duas cidades da região, o projeto já está em andamento, em Poço Fundo, o hospital Gimirim da cidade aguarda a liberação pela Secretaria de Saúde do Estado para início dos procedimentos e, em Paraguaçu, o hospital e maternidade São Francisco de Assis já iniciou os procedimentos cirúrgicos com as cirurgias de catarata, já atendendo cerca de 72 pacientes nos dias 07 e 08 de setembro.

“Espero que entre 12 a 18 meses possamos avançar bastante para a diminuição dessas filas das cirurgias eletivas na região, conforme os prazos das portarias para a utilização dos recursos e assim possamos chegar próximos a zerar a fila”, enfatizou Amanda Miareli.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Alfenas - MG
Atualizado às 10h29 - Fonte: Climatempo
31°
Poucas nuvens

Mín. 19° Máx. 35°

31° Sensação
15 km/h Vento
40.6% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (21/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 36°

Sol com algumas nuvens
Quarta (22/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 31°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.