Quarta, 20 de Outubro de 2021 14:21
(35) 988158840
Geral ALFENAS 152 ANOS

A RELAÇÃO IRMÃ DE ALFENAS E MACHADO

Cidades próximas e uma relação que envolve história, política e romance

13/10/2021 18h08
264
Por: Redação 4
Alfenas e Machado, cidades irmãs/Fotos: Bosco Azevedo e Gustavo Nery/Arte Edward Garcia
Alfenas e Machado, cidades irmãs/Fotos: Bosco Azevedo e Gustavo Nery/Arte Edward Garcia

 

*Prof. João Alexandre Moura

Alfenas completa 152 anos. Machado, a irmã mais nova, em setembro completou 140 anos. Os 32 quilômetros que separam os morros de Machado e o relevo plano de Alfenas vão muito além das curvas da rodovia MG-179.

Na história, Alfenas conquistou sua independência política, com a denominação de Vila Formosa em 7 de outubro de 1860, nove anos depois, com a lei 1.611, de 15 de outubro de 1869, a Vila Formosa de Alfenas foi elevada à condição de cidade e em 23 de setembro de 1871, o Município de Vila Formosa de Alfenas passou a se chamar Alfenas.

As divisas geográficas entre Alfenas e Machado foram estabelecidas em julho de 1872 através da lei 1.905 de 19 de julho daquele ano, a então Freguesia de Santo Antônio do Machado ficou até 1881 pertencendo à cidade de Alfenas. Com a emancipação machadense na época, houve dupla insatisfação dos alfenenses que submeteu ao governo de Minas e ao governo do Brasil a perda do território do Machado e também perdera a Freguesia do Machadinho (atual Poço Fundo) para o município de São Gonçalo do Sapucaí. As tensões do período diminuíram e a relação harmônica entre Alfenas e Machado ultrapassa mais de um século.

Seja no desenvolvimento agrícola, em especial na cafeicultura, na pecuária, sendo ambas as cidades destaques por décadas na pecuária leiteira, ou no memorável trecho ferroviário do ramal Gaspar Lopes a Machado com a Estrada de Ferro Machadense e posteriormente absorvida pela Rede Mineira de Viação entre os anos de 1920 a 1960 do século passado.

Uma história dos anos de 1950 contada por um ferroviário relata a história de dois jovens apaixonados que utilizavam o trem como meio de transporte, o jovem de 19 anos, nascido em Machado embarcava na Estação de Machado na Avenida Arthur Bernardes passando pela parada no Córrego Fundo, na Caiana e na Capoeirinha, aonde subira uma moça de 21 anos estudante de farmácia em Alfenas, ambos se olhavam diariamente passando pelo posto telegráfico da Pedreira antes da moça desembarcar na Estação de Alfenas e o moço seguir caminho até Gaspar Lopes aonde o trem se encontrava com a Estação Mogyana trecho Cruzeiro-Jureia. Segundo o ferroviário, a paixão foi duradoura e proibida pelas famílias, vivida entre as planícies e o pôr-do-sol entre Machado, Alfenas e Gaspar Lopes. Por fim, o ferroviário conta a história com enredo de novela que findou os encontros com a extinção da linha férrea no ano de 1963, o casal nunca mais se encontrou.

Histórias de divisas, desenvolvimento, progresso, paixões marcaram a ligação irmã de Machado e Alfenas. Histórias nos bailes do Sindicato, nas festas e encontros da juventude, no Teixeirão, na Expoal e no Carnalfenas.  

Histórias entre duas cidades localizadas no coração do Sul de Minas, e berço da formação educacional da região com suas escolas e universidades, destacando a Fundação Educacional de Machado (CESEP), a FUMESC e o Instituto Federal em Machado e a reconhecidas Unifenas e Universidade Federal de Alfenas.

Histórias de cidades irmãs, uma 12 anos mais velha, porém, nascidas no ventre do Sul de Minas. Afinal, o Rio Machado beija o mar de Minas, Furnas, abastece de esperança nossa região e perpetua histórias irmãs.

* professor, pesquisador, mestre em políticas públicas, ex-secretário de cultura de Poços de Caldas e atual secretário de cultura e turismo de Machado.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Sobre o município
Alfenas - MG
Atualizado às 14h05 - Fonte: Climatempo
21°
Pancada de chuva

Mín. 13° Máx. 21°

21° Sensação
20.2 km/h Vento
78.2% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (21/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 23°

Sol com algumas nuvens
Sexta (22/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 25°

Sol com algumas nuvens