Quarta, 10 de Agosto de 2022 04:36
(35) 988158840
Geral PROTETORES

AONDE ESTÃO OS PROTETORES?

Quem não conhece a rotina de um protetor não sabe o quanto é estressante sua jornada de vida

09/01/2022 10h36 Atualizada há 7 meses
1.717
Por: Redação 4
Foto: Arquivo Pessoal
Foto: Arquivo Pessoal

 

Renata Santinelli

É com esta pergunta que iniciamos o texto de hoje. Porque talvez essa seja a pergunta feita nas redes sociais que mais causa desconforto e dor em quem presta um serviço voluntário. Sim é VOLUNTÁRIO!

Há alguns dias observava a dinâmica em alguns grupos da cidade e encontrei essa frase em todos os pedidos de ajuda para animais. Aonde estão os protetores? Às vezes de uma maneira mais cruel “Aonde estão os ‘que se dizem’ protetores?”

Foram tantas vezes que comecei a me fazer a mesma pergunta. Mas para que ela seja respondida precisamos de acertar alguns pontos.

Proteção Animal é atuação voluntária. Não existe remuneração para protetor. É uma atuação que se inicia puramente do coração. De enxergar o sofrimento dos animais e lutar dia após dia para que suas condições de vida sejam as melhores possíveis. É disseminar a ideia da castração de cães e gatos, é lutar pelo fim do abandono e maus tratos.

Protetores são pessoas comuns. Protetor tem que trabalhar para se sustentar. Protetor tem família. Protetor tem limitações físicas, financeiras, humanas. Como qualquer pessoa. Assim como você!

Protetores estão sempre endividados. A mais pura verdade! Tutelar animais custa muito dinheiro. Animais tem necessidades e essas são constantes. E não se iludam achando que as doações são milionárias! Aquele protetor real da sua cidade que não é estrela e nem modinha em rede social recebe poucas doações e geralmente das mesmas pessoas. Na maioria das vezes os protetores, que atuam voluntariamente, colocam grande parte dos seus ganhos pessoais para honrar os compromissos com os animais.

Protetores tem direito a descanso e ao lazer. Quem não conhece a rotina de um protetor não sabe o quanto é estressante sua jornada de vida. Sabe aquele sábado chuvoso que você decide deitar no sofá e assistir um filminho? Então, para o protetor é uma tarefa quase impossível. Todos os dias e não importa a condição do clima, é dia de limpeza pesada. Animais demandam muita atenção e cuidados de higiene. E pasmem. Vocês sabiam que existem pessoas que, ao virem o protetor em um barzinho com os raros amigos que sobram, usam as redes sociais para dizer que o protetor só vive em festa?

Protetores tutelam muitos animais. Existe um padrão de adoção e para onde vão aqueles cães que fogem do padrão? Os deficientes, idosos, de porte grande, com problemas de comportamento ou com sequelas? Raramente esses encontram um lar. Mas com certeza eles estão na casa/abrigo do protetor. E eles ficam lá por anos esperando um lar. Não tem lugar mágico que recebe animais que ninguém quer. E essa situação gera muito desconforto na vizinhança e fatalmente acarretará em denúncias e processos. “Levar mais um” não é opção. É tortura para os animais e um enorme stress para as pessoas envolvidas.

A cada vez que existe um pedido de ajuda para um animalzinho e esta pergunta for feita lembre-se destes cinco tópicos acima. Lembre-se que a Constituição Federal é muito clara: “é DEVER do Poder Público e de TODA a sociedade”.

A proteção animal é extremamente solitária para as pessoas envolvidas. Ofereça ajuda, ofereça quer seja um ombro amigo e não mais trabalho.

Respeite essa pessoa que se dedica voluntariamente aos animais. Na impossibilidade de o protetor fazer algo tenha compreensão, empatia e perceba que quem está dando o primeiro não é a pessoa que vê a situação e nada faz.

Se cada um fizer a sua parte, o mundo se torna um lugar melhor. A vida se torna mais leve e mais animais podem ser salvos. Castre os seus animais, promova campanhas para castrar animais do seu bairro. Evite o abandono! Denuncie maus tratos!

Aonde estão os protetores? Estão fazendo de coração o que o Poder Público deveria fazer por obrigação. Lembre-se sempre de cobrar das autoridades locais uma política pública eficiente para os animais.

Na próxima semana vamos nos encontrar novamente com um tema para lá de especial. Eu espero você!

Não se esqueça de interagir com esta coluna!!! Sugestões de temas podem ser enviadas para renassanti@gmail.com

* As opiniões contidas nesta coluna não refletem necessariamente a opinião deste portal de notícias.

7 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Fala Proteção Animal!
Sobre Fala Proteção Animal!
Renata Santinelli, Presidente da ONG Anjos de Patas de Alfenas, vai trazer toda semana o tema da causa animal que será divulgada e discutida por quem atua na área e pode trazer mais informações ao leitores sobre o que é, e como agem os protetores de animais e porque a causa animal é tão importante em nossa sociedade na preservação e cuidados dos animais e garantia de seus direitos. Assistente de Campanhas para Animais de Fazenda do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal.
Sobre o município
Alfenas - MG
Atualizado às 04h19 - Fonte: Climatempo
15°
Pancada de chuva

Mín. 10° Máx. 19°

15° Sensação
4.8 km/h Vento
89.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (11/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 18°

Sol com algumas nuvens
Sexta (12/08)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 20°

Sol